CORRER, Jacó (Giácomo)

De IHGP
Edição feita às 10h38min de 22 de maio de 2015 por Adminihgp (Discussão | contribs)

(dif) ← Edição anterior | Revisão atual (dif) | Versão posterior → (dif)
Ir para: navegação, pesquisa

(Séc. 19-20). C.c. Rosa Pompermayer. Mencionado por Rangel (2003) como um dos fundadores do bairro Santa Olímpia que, juntamente com o de Santana, agregou a maior comunidade de pessoas provenientes da região italiana de Trento e seus descendentes, desde as últimas décadas do século 19. As famílias Vitti, Stênico e Perti desembarcaram no Rio de Janeiro em 1877 e os Correr, Forti, Degaspari, Brunelli e Cristofoletti, vieram no ano seguinte, com destino inicial à fazenda Sete Quedas, nas proximidades de Campinas. Santa Olímpia e Santana são tidas como o “Tirol brasileiro”. No registro de moradores estrangeiros de Piracicaba em 1904 que não aceitavam a naturalização, constam os nomes de vários Correr: Giácomo, Luigi, Izidoro e Victório (Alleoni, 2003). Um dos Correr dá nome a uma rua na Vila Industrial: rua Ângelo Correr. Este último foi c.c. Virgínia Vitorello e pai de Augusto Correr, n. 1925 e f. Piracicaba, 26.4.2007, que teve como esposa Maria Josefa Degaspari Correr. Augusto e sua mulher tiveram onze filhos.


Pfromm Netto, Samuel, 1932-2012. Dicionário de Piracicabanos / Samuel Pfromm Netto. — 1. ed. — São Paulo : PNA, 2013.