CONCEIÇÃO, Maria Martins da

De IHGP
Edição feita às 10h26min de 22 de maio de 2015 por Adminihgp (Discussão | contribs)

(dif) ← Edição anterior | Revisão atual (dif) | Versão posterior → (dif)
Ir para: navegação, pesquisa

N. 1868? 1875? F. Piracicaba, 16.3.1994. “A mais velha piracicabana, provavelmente a mulher mais velha do Brasil, morreu anteontem de velhice”, noticiou o Jornal de Piracicaba a 18.3.1994. Negra, nascida escrava, seus docu-mentos indicavam que teria 119 anos ao falecer. Sabe-se, contudo, que Maria foi registrada quando tinha mais de seis anos, o que sinalizaria 126 anos de vida. De acordo com o jornal, “Maria morreu sem dar um gemido, sem reclamar, sem dar trabalho a ninguém”.


Pfromm Netto, Samuel, 1932-2012. Dicionário de Piracicabanos / Samuel Pfromm Netto. — 1. ed. — São Paulo : PNA, 2013.