ANDRADA, Martim Francisco Ribeiro de

De IHGP
Ir para: navegação, pesquisa

N. Santos, SP, 25.6.1775. F. Santos, SP, 23.2.1844. Político brasileiro, coronel, deputado, ministro da fazenda, cientista e fazendeiro. Irmão de José Bonifácio de Andrada e Silva e de Antônio Carlos Ribeiro de Andrada e Silva. Comparece pela primeira vez na história de Piracicaba a 9.12.1831, como comprador de “120 braças de testada com fundo até o Ribeirão Piracicamirim, no lugar denominado Barreiro, pelo preço de trinta e dois mil réis”. Essas terras foram adquiridas de Manuel da Cunha e sua mulher, por intermédio de Joaquim António de Arruda, procurador de Martim Francisco, que o representou no ato da compra. Formado em matemática e ciências naturais na Universidade de Coimbra. De volta a São Paulo, assumiu os postos de diretor geral das Minas de Ouro e Ferro da capitania e de sargento-mor das milícias. Tornou-se inspetor das Minas e da Fábrica de Ferro de São João do Ipanema (1801- 2). Político de destaque na primeira metade do século 19, foi deputado à Constituinte brasileira, atuando com seu irmão José Bonifácio na preparação da Independência do Brasil. Após ter sido deportado para a Europa (1823), voltou ao país, sendo várias vezes eleito deputado. Empenhou-se na decretação da maioridade de d. Pedro II e foi ministro da fazenda nos dois reinados. Publicou discursos parlamentares, traduções de livros científicos (mineralogia e um tratado sobre o cânhamo) e relatos da série de viagens que realizou na província de São Paulo. Segundo Pandiá Calógeras, foi “o menos falado dos Andradas, talvez a melhor cabeça deles”. Uma avenida do bairro de São Dimas tem seu nome.



Pfromm Netto, Samuel, 1932-2012. Dicionário de Piracicabanos / Samuel Pfromm Netto. — 1. ed. — São Paulo : PNA, 2013.